Parceiros de casa, de CT e de título internacional, Pedro e Henrique seguem caminhos separados na segunda etapa do Circuito Brasileiro sub-21

Publicado em: 07 DE ABRIL

Parceiros de casa, de CT e de título internacional, Pedro e Henrique seguem caminhos separados na segunda etapa do Circuito Brasileiro sub-21
Pedro e Henrique defenderam o Brasil em torneio na Bolívia (Créditos: Divulgação)

Na primeira etapa do Circuito Sul-Americano sub 19, disputado semana passada na Bolívia, Pedro e Henrique levaram o Brasil ao lugar mais alto do pódio. Os dois treinam no mesmo CT e dividem um apartamento em Maringá (PR). Nesta semana, porém, o companheirismo ficará de lado por um tempo. Em Itapema (SC), eles serão adversários na busca pelo título da segunda etapa do Circuito Brasileiro sub-21, que começa nesta sexta-feira (08.04), às 8h, na arena montada na Meia Praia. 

 Pedro retoma a parceria com Vilsomar, ao lado de quem conquistou a medalha de bronze na primeira etapa sub-21, em Saquarema (RJ), e o vice-campeonato do Aberto de Saquarema do Circuito Brasileiro adulto. Henrique atuará com Guilherme, parceiro na medalha de bronze do Circuito Brasileiro sub-17, em 2021. 

“A parceria com o Henrique no Sul-Americano sub 19 foi ótima. Ele é um cara muito tranquilo de conversar e conviver. Dividimos um apartamento e temos um entrosamento legal. Ganhar a medalha de ouro foi um sentimento inexplicável, uma sensação de dever cumprido. Agora, dentro de quadra, no Brasileiro sub 21, serão os dois querendo muito vencer. Mas fora da quadra a amizade continua a mesma”, conta Pedro.  

O torneio qualifying da etapa de Itapema do Brasileiro sub 21 está programado para começar às 8h desta sexta-feira e vai até 16h30. No sábado, acontecem a fase de grupos, as oitavas e as quartas de final. As semifinais e finais serão no domingo. A entrada para o público é gratuita.

“Pedro é um atleta exemplar. Eu dei o meu máximo ao lado dele no Circuito Sul-Americano. Ter conseguido uma medalha de ouro representando o Brasil foi muito marcante, foi o meu primeiro título na carreira e logo em nível internacional. Se nos enfrentarmos neste torneio sub-21 acredito que será uma partida interessante e divertida ao mesmo tempo”, aposta Henrique.  

 O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro 


Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais